segunda-feira, 27 de fevereiro de 2012

Hoje voltei ao trabalho

Pois é, hoje voltei ao trabalho, acabou minha licença maternidade, e querem saber, eu estava louca para voltar à trabalhar, e não duvidem do amor que tenho pela minha filha, acho que aí entra uma questão de perfil. Respeito as diferenças e admiro todos os tipos de mamães, pois acredito fielmente que todas fazemos aquilo que julgamos ser o melhor pelos nossos filhos, e aí entram as diferenças, que precisam ser respeitadas. Durante minha licença, ouvi (e vi caras) de muitas pessoas que achavam estranho eu ter uma filha e trabalhar o dia inteiro fora, ou que não concordavam em eu deixa-la na escolinha, e blá blá blá.

Todo mundo tem defeitos, mas também tem qualidades, e como mamães temos toneladas de diferenças entre umas e outras, e eu, sinceramente, acho isso super gostoso e saudável, é a partir daí que iremos formar futuros adultos com diversos valores, princípios, exemplos que mais no futuro podem se relacionar entre si e se complementar, olha que delícia ... imaginem só um mundo onde todas as mães fossem iguais ... ai que tédio!

Confesso que voltei ao trabalho sem nenhum peso na consciência, estava sentindo falta, sou uma legítima capricorniana e gosto de trabalhar, me faz bem e com isso serei uma mãe e esposa mais completa e mais feliz. E como para mim, deixar minha filha na escolinha, desde cedo, faz parte dos meus valores e princípios, tenho certeza que isso fará bem para ela. Fui criada por uma mãe que sempre trabalhou fora, e eu admiro ela por isso, aliás sigo o mesmo caminho, pois acho que fui muito bem criada, e espero que minha filha possa ter esta visão no futuro e se orgulhe da mãe que tem ... não por trabalhar fora e sim por fazer o que acredita ser o melhor para ela - viva a diferença!!!

6 comentários:

  1. É isso aí minha querida!!!! Minha mãe também sempre trabalhou fora, hoje optei pelo contrário. Isso não quer dizer que eu não sinta falta de uma rotina de trabalho, sinto sim! Tanto que não dei conta de ficar só em casa e semana passada voltei a trabalhar no negócio do meu marido. Levo a pequena comigo, mas trabalho!! kkkkk...Todas as nossas escolhas são difíceis e nos fazem abrir mão de algo. Sua pequena vai valorizar cada decisão sua também! A gente vê no brilho do olhar dessa menininha o quanto ela é amada! Bom retorno! Felicidades mil pra você!! Beijos cheios de carinho
    www.jeitinhos.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. Taissa vc tem que seguir seu coração e fazer o que acha melhor para vcs duas. Um texto que eu postei no meu blog hoje e que acredito muito:
    "Faça o que dita o seu coração. Seu instinto de mãe é muito mais importante que mil teorias juntas. As teorias podem cair em desuso por ficarem fora de moda ou por serem equivocadas. O instinto materno é o mesmo a centenas de anos. Ninguém no mundo pode ser, para seu filho, melhor mãe do que você" (Dr. Zalman Bronfman)
    Bjo!

    ResponderExcluir
  3. isso mesmo....o mais importante é estarmos felizes para fazermos felizes os nossos pequenos....bjus

    ResponderExcluir
  4. é isso aê eu só parei de trabalhar porque aqui foi caso de saúde e isso mexeu muito comigo mais quando a pequena tinha 5 meses coloquei na creche e fui trabalhar fora que a vida aqui né fácil não precisava mesmo trabalhar mais quando as coisas mudam as situações ai complica e com saúde não se brinca mais assim que tudo ficar na linha eu volto com tudo trabalhar e bom demais ^^

    ResponderExcluir
  5. Nem mais querida...temos que nos respeitar umas as outras ;)
    bj

    ResponderExcluir
  6. Selinho no blog para você!

    Bjos*

    ResponderExcluir